Tudo o que você deve (e não deve) fazer com um sutiã

Será que você realmente sabe como usar e fazer a manutenção do seu sutiã? Esse tipo de peça íntima tem a possibilidade proporcionar muitas vantagens relacionadas ao conforto e à moda, além disso, também pode durar por muito tempo sem nenhum dano. Mas tudo isso depende da forma como você trata o acessório.

Para facilitar sua vida, aqui estão algumas dicas importantes do que é certo e errado em relação ao sutiã. Confira:

O que fazer com o sutiã

Escolha o tamanho de acordo com o seu corpo

Essa dica pode parecer muito óbvia, mas, de acordo com pesquisas, a grande maioria das mulheres não usa o tamanho adequado de sutiã. É importante que você meça o seu busto com uma fita métrica e procure na tabela o tamanho certo ou que experimente vários modelos até encontrar o tamanho certo. Sutiãs justos ou largos podem deixar o visual dos seios feio e ainda têm a chance de causar comprometimentos à postura e à saúde da coluna.

Use as alças devidamente ajustadas

É muito importante conferir não apenas o “corpo” do sutiã, como também as alças. Certifique-se de que as alças não estão muito apertadas e nem folgadas demais. Prefira também as alças reguláveis, assim, é possível fazer o ajuste certo sempre.

Mantenha os seios confortáveis dentro da peça

O conforto é tudo, mas para isso, você tem que avaliar se os seus seios estão muito bem ajustados no sutiã. Um modelo ideal não deixa a parte de cima e nem as laterais saindo da peça, além disso, os seios também precisam ficar bonitos. Se, de repente, a meia taça ou qualquer outro detalhe estiver te incomodando, resolva o problema imediatamente.

MedTransU

O que não fazer com o sutiã

Não guarde dinheiro no sutiã

O dinheiro em papel ou em moeda é uma grande fonte de bactérias e sujeiras. O hábito de guardar os valores no sutiã, em contato com os seios (partes do corpo que suam, e, às vezes, até liberam leite) pode causar alergias e até doenças mais sérias.

Não guarde o sutiã pendurado

Os sutiãs sem bojo podem ser guardados dobrados delicadamente. Já as peças que têm bojo precisam ser comportadas em fileiras na gaveta (no máximo 5 sutiãs em cada fila, se a gaveta for pequena, a fim de não apertar as peças) ou ainda em estojos feitos especialmente para essa finalidade.

Jamais guarde seus sutiãs pendurados em cabides, cabideiros ou mesmo atrás da porta. Ao deixar as peças penduras você acaba causando desgastes no elástico ou outras deformidades em outras partes do sutiã. Sem contar que, ao pegar a peça, é possível que ela enrosque, rasgue, etc.

BESICO

Não lave sutiãs soltos na máquina

Jamais faça a lavagem dos sutiãs soltos em máquinas ou tanquinhos. Os movimentos dos aparelhos podem rasgar, estragar detalhes ou acabar com o elástico da peça íntima. Os sutiãs de pano podem ser colocados na máquina dentro de sacos próprios para a lavagem. Se a peça for de bojo ou com detalhes de renda, joias ou laços, por exemplo, o certo é lavá-la à mão.

Sem comentários

Deixe o seu comentário